Republicanos da Câmara intimam assessores da Casa Branca por causa da saúde de Biden

Republicanos da Câmara intimam assessores da Casa Branca por causa da saúde de Biden



WASHINGTON – O Comitê de Supervisão da Câmara liderado pelo Partido Republicano emitiu intimações na quarta-feira para três assessores da Casa Branca, solicitando depoimentos para discutir o estado cognitivo do presidente Joe Biden.

As intimações, relatadas pela primeira vez da Axiossão para o conselheiro sênior da primeira-dama Jill Biden, Anthony Bernal, a vice-chefe de gabinete da Casa Branca, Annie Tomasini, e a conselheira sênior da Casa Branca, Ashley Williams.

As cartas que acompanham as intimações alegavam que os assessores têm “conhecimento em primeira mão até que ponto o Presidente Biden está pessoalmente a cumprir as funções do seu cargo e se é capaz de o fazer”.

“O Comité procura esta informação para explorar se chegou o momento de o Congresso rever a potencial legislação para abordar a supervisão da aptidão dos presidentes para servir de acordo com a sua autoridade ao abrigo da Secção 4 da Vigésima Quinta Emenda”, diziam as cartas.

O deputado James Comer, R-Ky., Presidente do comitê, disse que o painel está preocupado que esses assessores “possam estar interferindo em nome do presidente e talvez fazendo parte do trabalho do presidente para ele”.

“O presidente Biden é claramente inadequado para o cargo, mas a sua equipa está a tentar esconder a verdade do povo americano”, acrescentou.

Quando contatado para comentar, o porta-voz da Casa Branca, Ian Sams, criticou Comer e chamou as intimações de “um golpe político infundado destinado a ele chamar a atenção da mídia em vez de se envolver em supervisão legítima”.

“Os seus ataques partidários ao Presidente foram desacreditados e agora ele continua a degradar a Câmara, utilizando intimações como arma para obter manchetes, em vez de procurar informações através do processo constitucional adequado”, disse Sams num comunicado.

Comer, um crítico frequente de Biden, foi fundamental para um inquérito de impeachment liderado pelos republicanos contra o presidente. Os republicanos não produziram evidências de que Biden estava envolvido em atividades criminosas.

Os três assessores foram previamente convidados a comparecer perante o comitê como parte da investigação de documentos confidenciais de Biden, mas o comitê diz que a Casa Branca bloqueou seu comparecimento.

O comitê pediu que os assessores respondessem até 17 de julho para discutir um depoimento.

As intimações ocorrem dias depois de Comer solicitar que o médico de Biden, Kevin O’Connor, compareça para uma entrevista transcrita sobre a saúde do presidente.

Sams criticou anteriormente esse pedido, dizendo: “Lá vão eles de novo, empurrando suas teorias de conspiração malucas e desacreditadas para acertar outro golpe em Bartiromo”, referindo-se à âncora da Fox News, Maria Bartiromo.

O péssimo desempenho de Biden no debate no mês passado gerou preocupação generalizada entre os democratas sobre suas perspectivas de reeleição, devido às preocupações renovadas sobre sua idade e aptidão para o cargo.

Desde então, quase uma dúzia de membros democratas do Congresso pediram que ele desistisse da disputa, e a NBC News informou anteriormente que muitos dos principais democratas estão particularmente preocupados com sua capacidade de enfrentar o ex-presidente Donald Trump.

Biden continuou a insistir que permanecerá na corrida, argumentando que é a melhor pessoa para derrotar Trump em novembro.



bxblue emprestimo

empréstimo pessoal aposentado

emprestimo online inss

banco empréstimo consignado

emprestimos consignados inss consulta

emprestimo inss online

empréstimo para aposentado online

empréstimos

emprestimo consignado cartao

Link. ます。. Domestic helper visa extension hk$900.