Minerais impulsionaram o investimento estrangeiro em 2023 na América Latina

Minerais impulsionaram o investimento estrangeiro em 2023 na América Latina


O investimento estrangeiro direto, IDE, na América Latina e no Caribe permaneceu estável em 2023, totalizando US$ 193 bilhões. A informação é do último Relatório de Investimento Mundial publicado nesta quinta-feira, pela ONU Comércio e Desenvolvimento, Unctad.

O IDE ‘Greenfield’, onde uma empresa estabelece novas operações no exterior, tem visto um aumento nos valores de listagem na região, impulsionado por grandes projetos no Brasil e no Chile.

Investimento em energias renováveis

À medida que a procura global crescia, os produtos básicos e os minerais essenciais para as tecnologias de energia limpa foram o sector líder, representando 23% do valor dos projectos greenfield da região nos últimos dois anos. Esta percentagem é mais do dobro da registada noutras regiões em desenvolvimento.

O investimento em energias renováveis ​​também foi proeminente, com quatro dos dez principais projetos anunciados relacionados com a produção de energia.

amônia verde ou verde.

Em 2023, a América Latina e as Caraíbas atraíram 19 megaprojectos avaliados em mais de mil milhões de dólares cada, 17 dos quais foram realizados por investidores de fora da região.

Pelo stock de IDE, os Estados Unidos, Espanha, Países Baixos e Luxemburgo foram os principais investidores.

O Laboratório de Hidrogênio da Ufrj também produz baterias que geram energia limpa, sem combustão e emissão de poluentes.

Tendências por setor e indústria

Tal como em outras regiões, o número e o valor das transações internacionais de financiamento de projetos, que são cruciais para canalizar investimentos em infraestruturas e serviços públicos, na América Latina e nas Caraíbas diminuíram 30% e 23%, respetivamente.

O setor das energias renováveis ​​foi o mais atingido, com 40% menos negócios e menos 16 mil milhões de dólares em valor em comparação com 2022.

As fusões e aquisições internacionais, que normalmente representam uma parcela menor do IDE na região, viram o seu valor global cair 26%, para 11 mil milhões de dólares. Os sectores das tecnologias de informação e comunicação e dos produtos químicos registaram a maior diminuição nas transacções, enquanto se registou um aumento no sector dos metais básicos e dos produtos metálicos.

Os países registaram resultados mistos

Na América do Sul, os investimentos estrangeiros caíram 2%, atingindo US$ 143 bilhões. Os fluxos acelerados para Argentina, Chile e Guiana compensaram valores mais baixos no Brasil e no Peru, continuando o Brasil a ser o maior receptor de IDE nesta sub-região.

Na América Central, o México foi responsável pela maior parte do investimento estrangeiro, apresentando números estáveis ​​apesar dos valores mais baixos dos projetos.

Nas Caraíbas, excluindo os centros financeiros offshore, o IDE global aumentou 6%, com a maioria dos países a registar crescimento. A República Dominicana registou um aumento de 7% nas entradas em relação ao ano anterior.

Nos últimos cinco anos, o investimento estrangeiro expandiu-se nos principais grupos económicos da região, com os fluxos para a Comunidade das Caraíbas a triplicar em comparação com 2018.

*Com relatórios da Unctad



emprestimos aposentados e pensionistas

simular empréstimo aposentado

empréstimo consignado online rápido

emprestimos para pensionista do inss

emprestimo aposentado simulador

emprestimos aposentados simulação

empréstimo aposentado e pensionista

emprestimo aposentado pensionista

empréstimo pelo inss

emprestimos

emprestimo para aposentados inss

Experience the power of this link building network and watch as your website soars to new heights in the digital landscape. What are the vip benefits ?. Itコンサルタント必見!フリー案件を一括紹介【it consult ant bank】.