Ex-técnico do América é alvo de cantos homofóbicos


Ex-técnico do América é alvo de cantos homofóbicos (Fabían Bustos, ex-técnico do América)

Situação lamentável impactou negativamente na vitória por 2 a 0 da Liga de Quito (LDU), do Equador, sobre o Universitario, do Peru, no estádio Casa Blanca, em Quito, capital equatoriana, pela sexta e última rodada do Grupo D da Copa Libertadores. O técnico da seleção peruana, Fabián Bustos, ex-América e Santos, ouviu gritos homofóbicos vindos da torcida local.

Apesar de ter nascido na Argentina, Bustos passou grande parte da carreira como treinador no Equador. Assim, em sua atuação em clubes como Macará, Delfín e Barcelona de Guayaquil, acostumou-se a ser adversário da LDU. Porém, nesta terça-feira, a natureza da rivalidade ultrapassou a linha do respeito.

Em um vídeo que circula nas redes sociais é possível ouvir um grande grupo de fãs cantando uma música em que se chama Fabián Bustos maricón. Este termo é comumente usado em espanhol para chamar outra pessoa de homossexual, de forma pejorativa. Além disso, manifestações de xenofobia também teriam sido dirigidas a integrantes da equipe técnica comandada pelo ex-técnico santista.

Pronunciamentos

O Universitário divulgou comunicado nas redes sociais condenando expressões preconceituosas. O clube pediu à Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) que “tome medidas imediatas e sancione drasticamente os responsáveis”.

A LDU também foi às redes sociais e condenou veementemente o ocorrido no duelo continental que terminou com vitória dos donos da casa por 2 a 0.

“A Liga Deportiva Universitaria, diante dos condenáveis ​​cantos discriminatórios contra o fraterno Clube Universitario de Deportes, do Peru, levantados hoje em nosso estádio, expressa seu forte repúdio a essas manifestações que não representam o sentimento de nossos torcedores, pelos quais estendemos nossas respectivas desculpas públicas. Como manifestamos horas atrás, em nossas redes sociais, nenhum tipo de violência terá espaço em nossa casa e reiteramos nosso firme compromisso em tomar as ações corretivas necessárias para erradicar esses lamentáveis ​​incidentes”, afirmou o clube.

A vitória da LDU não mudou a situação dos classificados às oitavas de final da Libertadores no Grupo D. O motivo é que tanto o Junior Barranquilla quanto o Botafogo chegaram, na última rodada, com as vagas já garantidas. Porém, a vitória serviu para colocar a seleção equatoriana nas oitavas de final do Campeonato Sul-Americano, torneio do qual é o atual campeão.

Bustos na América

Fabián Bustos assumiu o comando do América em agosto deste ano, substituindo Vagner Mancini. O técnico argentino tinha contrato com o Coelho até dezembro de 2024. Mas, no início de novembro, foi demitido após derrota para o Coritiba no Campeonato Brasileiro. Na época, o time mineiro já estava matematicamente rebaixado para a Série B.

Pelo América, o técnico de 54 anos conquistou apenas duas vitórias em 18 partidas disputadas. Ainda perdeu nove e empatou cinco jogos à frente do Coelho.

A notícia Ex-técnico do América é alvo de cantos homofóbicos foi publicada pela primeira vez no No Attack da Redação Jogada10.





globo.com rio de janeiro

o globo noticia

globo com rio de janeiro

globo.com g1

jornal globo

jornais globo

Link. Πολλαπλές επιλογές οδηγών στο δάπεδο, ακόμη και για a. Index.