Brasileiro diz não temer bicampeão olímpico em Paris e relembra ‘decisão dividida’ no Pan

Brasileiro diz não temer bicampeão olímpico em Paris e relembra ‘decisão dividida’ no Pan


Brasileiro diz que não teme bicampeão olímpico em Paris e lembra de ‘decisão dividida’ no Pan (nas duas últimas edições do Pan-Americano, Julio Cesar ficou com o ouro, e Keno Marley ficou com a prata)

Rio de Janeiro – A final do boxe até 92kg dos Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023 mostrou dois dos atletas favoritos: Keno Marley e Julio César. Mesmo com a medalha de prata na época, em outubro do ano passado, o brasileiro diz não ter medo do cubano de 34 anos, que é bicampeão olímpico e tetracampeão do Pan nas Olimpíadas de Paris. O boxeador lembrou ainda que a luta no Chile foi uma “decisão dividida”.

A rivalidade de Keno com o cubano recentemente incluiu até uma mudança de categoria. Os atletas se enfrentaram nos Jogos Pan-Americanos de 2019, em Lima, na categoria até 81kg e, agora, ambos estarão nos Jogos Olímpicos na categoria até 92kg. Prata nas duas edições do Pan disputadas, o brasileiro de 23 anos deixou claro, em entrevista exclusiva ao No ataque, que a mudança de categorias não será um problema em França.

“Para mim é muito natural mudar de categoria. Eu sou jovem. Apesar da minha ótima formação esportiva, tenho apenas 23 anos e comecei aos 11, pesando aproximadamente 40kg. Então, lutei em todas as categorias do boxe. Paris será apenas mais uma categoria. Aliás, já tive muitas conquistas, em todas as principais provas do ciclo conquistei medalha nesta categoria. Então foi uma mudança tranquila e tranquila e consegui me sair bem”, disse Keno Marley.

  • OLHAR: Keno Marley aposta no progresso até Paris 2024 e faz promessa aos fãs

A categoria peso pesado tem Julio César como atual vencedor. Em Tóquio, o cubano conquistou a medalha de ouro, enquanto Keno caiu para o britânico Benjamin Whittaker nas quartas de final. Anteriormente, o experiente boxeador de 34 anos já havia ficado em primeiro lugar em 2016, nas Olimpíadas do Rio de Janeiro, competição multiesportiva que não contou com a presença do brasileiro, que ainda era adolescente.

Natural de Sapeaçu, município do Recôncavo Baiano, Keno se vê mais preparado para as Olimpíadas de Paris e confia no ciclo olímpico realizado até chegar à competição na França, que terá início no dia 26 de julho. Além de falar sobre o equilíbrio nas últimas lutas com o favorito Julio César, o pugilista brasileiro lembrou que a final dos Jogos Pan-Americanos de Santiago contou com uma “decisão dividida” dos árbitros e deixou claro que não teme o rival demonstrando confiança em si mesmo. desempenho.

“O Júlio é um atleta ‘muito experiente’, mas estou apresentando bons resultados. Na final dos Jogos Pan-Americanos foi uma decisão dividida e isso mostrou o quanto estamos igualados e que os árbitros já estão em dúvida sobre quem realmente foi o vencedor. Então, agora é hora de fazer esses pequenos ajustes para sairmos de Paris com a medalha de ouro”

Keno Marley, boxeador brasileiro

Keno Marley enfrentando Julio Cesar nos Jogos Pan-Americanos de 2023 – (foto: Raul ARBOLEDA/AFP)

A luta entre Keno Marley e Julio Cesar na final do Pan 2023 foi marcada pelo equilíbrio e pela decisão do vencedor por parte dos árbitros (foto: Raul ARBOLEDA/AFP)

Boxe brasileiro nas Olimpíadas

Keno Marley, também conhecido como Keno Machado, o baiano faz parte do grupo de 10 boxeadores que representarão o Brasil na competição na França – cinco homens e cinco mulheres.

Nas Olimpíadas de Tóquio, o boxe foi responsável por três medalhas – uma de ouro, uma de prata e uma de bronze –, sendo o esporte com mais brasileiros premiados, ao lado do skate – três pratas – e da natação – um ouro e dois bronzes.

As recentes atuações do boxe brasileiro nos Jogos Olímpicos, que também conta com três medalhas em 2012 e uma em 2016, alimentam as expectativas dos fãs em relação a Paris.

O repórter viajou ao Rio de Janeiro a convite da Petrobras para evento de apresentação da equipe da empresa. Segue o No ataque nos próximos dias e veja mais entrevistas exclusivas com atletas que vão disputar as Olimpíadas e Paraolimpíadas de Paris, como Ana Patrícia e Duda Lisboa, dupla de vôlei de praia, Isaquias Queiroz, da canoagem, Laura Amaro, do levantamento de peso, Milena Titoneli, do taekwondo , e Petrúcio Ferreira, do atletismo paralímpico, além de mais palestras de Keno Marley.

A notícia que brasileiro diz que não teme bicampeão olímpico em Paris e lembra ‘decisão dividida’ no Pan foi publicada primeiro no No Attack de Pedro Bueno.



emprestimo do inss

empréstimo para consignados

simular um empréstimo consignado

simular empréstimo picpay

simular emprestimo picpay

como fazer emprestimo no picpay

emprestimo consignado no inss

blue emprestimo

simulação empréstimo picpay

emprestimo consignado simulação

inss empréstimos

Experience the power of this link building network and watch as your website soars to new heights in the digital landscape. You don't need to write many articles yourself. Itコンサルタント必見!フリー案件を一括紹介【it consult ant bank】.