Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você está ciente dessa funcionalidade. Conheça nosso Portal da Privacidade e consulte nossa Política de Privacidade. Clique aqui para ver

Uma nova pesquisa revela o quão leais os telespectadores da Fox News permanecem para Trump

Nota do editor: Uma versão deste artigo apareceu pela primeira vez no boletim informativo “Reliable Sources”. Inscreva-se para o resumo diário que narra a mídia em evolução aqui.



CNN

A audiência da Fox News permanece firmemente do lado de Donald Trump.

A noção de que os telespectadores do canal de direita apóiam o ex-presidente desonrado não é muito surpreendente, mas a medida em que o público da rede continua a apoiar fortemente o ex-presidente duas vezes acusado pode abalar você.

Uma pesquisa divulgada pelo The New York Times e pelo Siena College na segunda-feira achar algo apenas 5% dos entrevistados que recebem notícias da Fox News acreditam que Trump “cometeu crimes federais graves”, com esmagadores 91% dizendo que não. Enquanto isso, 83% dos entrevistados da Fox News acreditam que após a eleição de 2020, Trump “apenas exerceu seu direito de contestar os” resultados. E, talvez o mais importante, 85% dos participantes da pesquisa de tendência republicana que assistem principalmente à Fox News dizem que o Partido Republicano deveria “apoiar” Trump.

Por outro lado, a pesquisa descobriu que os republicanos que obtêm notícias de fontes tradicionais eram muito mais propensos a acreditar que Trump cometeu crimes graves (38%), menos propensos a comprar a ideia de que ele estava “apenas exercendo seu direito de contestar” a eleição. eleição (58). %), e menos da metade (49%) disse que o partido deveria apoiar o ex-presidente.

Os dados notáveis ​​ressaltam o domínio que Trump continua exercendo sobre o público da influente rede de direita. Mesmo enfrentando problemas legais crescentes, incluindo possíveis acusações decorrentes de suas ações eleitorais pós-2020, Trump ainda comanda a lealdade do público da Fox News.

Os números explicam em termos claros a consequência da decisão de Rupert Murdoch de aceitar Trump em 2016 e o ​​apoio contínuo e febril de sua lucrativa rede de direita ao ex-presidente, apesar de suas tentativas vergonhosas de causar danos sem precedentes à democracia do país. A audiência da rede, agora programada por anos de defesa quase contínua de Trump – não importa quão importante seja o ato – agora é efetivamente incapaz de aceitar qualquer afirmação que vá contra suas crenças continuamente reforçadas.

E depois da sensacional demissão de Tucker Carlson, isso ajuda a esclarecer por que o novo bloco do horário nobre de Murdoch é composto inteiramente de bajuladores de Trump. Murdoch pode ler a sala e, como aprendeu após a eleição de 2020, quando o público dedicado da rede mudou de canal em protesto, ele sabe que a programação crítica de Trump não é um bom presságio para os resultados da empresa.

Claro, é possível que o público da Fox News não apoiasse tanto Trump se não fosse bombardeado com cobertura e entretenimento infinitamente positivos. Mas a quantidade impressionante de apoio ao ex-presidente sinaliza que virar o navio neste momento pode muito bem ser uma tarefa impossível.

Greg Sargent do WaPo colocou bem na segunda-feira quando ele escreveu que “nunca saberemos se o eleitorado primário do Partido Republicano teria apoiado tanto a doutrina da inocência absoluta de Trump” se figuras proeminentes do Partido Republicano o tivessem condenado.

“Mas”, escreveu Sargent, “o papel da Fox News e da mídia de direita neste desastre para a democracia parece dolorosamente claro.”