Diplomatas e conselheiros de política de segurança de mais de 40 países tiveram uma “conversa aberta e extremamente honesta” sobre os princípios-chave que Kiev quer que sejam a base para a paz, disse o conselheiro presidencial ucraniano Andriy Yermak sobre as negociações em Jeddah, na Arábia Saudita, que terminaram no domingo . Yermak disse diferentes pontos de vista surgiram, mas as conversas foram “muito produtivas”.